2 de junho de 2007

Mistério Santíssima Trindade


Interiorização do Mistério da SSma.Trindade
Jesus Cristo é o Filho unigénito do Pai, habitado pelo Espírito Santo. Ele é o lugar da SSma.Trindade.
O cristão «nascido da água e do Espírito Santo, no Baptismo» (Jo.3,5) e movido pela «força do Espírito Santo» (Act.1,8), recebida no sacramento do Crisma, é outro «Cristo». Somos «filhos movidos pela força do Espírito Santo, que nos faz, templos do Pai» (1Cor.3,16)
Se vivêssemos a nossa vocação de «filhos de Deus», os homens descobririam em nós o que descobriam em Jesus Cristo: a presença de Deus.
Os cristãos não vivem esta sua vocação de «lugares da SSma. Trindade», porque não rezam, como o Senhor ensinou. E o que é rezar como o Senhor ensinou? É entrar no Mistério da SSma. Trindade.
Quase todos imaginamos a oração, como «saída» de si (de casa), para participar em actos de culto. Imaginamos as pessoas que vão ao encontro de Deus, quando vão à Catequese, `aula de Religião e Moral, ao grupo de Oração, ao Terço, à Missa, à Comunhão ou a um lugar de devoção. Estamos assim a procurar Deus, fora de nós, quando o devíamos procurar dentro de nós, porque, como diz Lucas: «O Reino de Deus está dentro de vós» (Lc.17,21).
Adorar a Deus em espírito e em verdade é entrar cada um dentro de si, ou, melhor ainda, entrar cada um dentro de Deus.
«Quando orares, entra no teu quarto e reza em segredo a teu Pai, pois Ele, que vê o oculto, recompensar-te-à»(Mt.6,6). É como quem diz: entra em ti e encontrarás aquele que está dentro de ti.
Rezar «em espírito e verdade» é entrar cada um dentro d si ou dentro de Deus, para escutar o que Deus lhe pede, através dos «gemidos inefáveis do Espírito Santo, que vem em nossa ajuda, para pedirmos ao Pai o que devemos»(Rom.8,26-27)
Rezar «em espírito e verdade» é entrar em comunhão com a SSma Trindade: movidos pelo Espírito de Jesus - Espírito Santo – é entrar como filhos, no Pai, que é o «templo», onde se deve adorar.
Rezar é saborear o que é «Cristo estar em nós e nós nele» (Jo.14,20); e, como filhos no Filho, saborear o que é «estar no Pai e o Pai em nós»(Jo.14,11)
Rezar é entrar na intimidade da SSma.Trindade, porque habitados pelo Espírito Santo – o Espírito do Pai e do Filho - «deixamos de ser servos, para sermos amigos íntimos de Jesus, que nos deu e dá a conhecer tudo o que ouviu ao Pai»(Jo.15,15)
Rezar não é sair fora de si, para procurar Deus. Rezar é entrar em si e em Deus, mesmo quando saímos de casa para ir à Catequese, à Missa, ao Terço,… «Deixa Deus entrar!»

3 comentários:

Pe. Vítor Magalhães disse...

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,...

elsa nyny disse...

Quando as coisas acontecem dentro de nós...tudo faz sentido!!!

beijinhos!!!

antonio disse...

Deixemos pois Deus entrar...

Enviar um comentário